Corpo de Jajá é encontrado dentro de mala enterrada na praia

O corpo do assistente social de 52 anos foi encontrado dentro de uma mala que foi enterrada na praia de Barra, distrito de Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália. Segundo a polícia, investigadores chegaram ao local, na sexta-feira (7), após um adolescente de 17 anos ser apreendido e confessar que matou a vítima. Joilson Ferreira […]


10 de julho de 2017 10:06

O corpo do assistente social de 52 anos foi encontrado dentro de uma mala que foi enterrada na praia de Barra, distrito de Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália. Segundo a polícia, investigadores chegaram ao local, na sexta-feira (7), após um adolescente de 17 anos ser apreendido e confessar que matou a vítima.

Mala com o corpo da vítima estava na praia de Barra, no distrito de Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália (Foto: Reprodução/ TV Santa Cruz)

Joilson Ferreira de Almeida, conhecido como Jajá, estava desaparecido há 11 dias. O corpo dele foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Porto Seguro. De acordo com a polícia, o jovem apreendido disse que cometeu o crime porque a vítima teria tentado assediá-lo. O adolescente está na Delegacia de Santa Cruz Cabrália. Um irmão do jovem, de 16 anos, suspeito de também participar do homicídio, é procurado.

Adolescente disse à polícia que cometeu o crime porque foi assediado pela vítima. Ele está apreendido na Delegacia de Santa Cruz Cabrália

A polícia trata o caso como latrocínio, roubo seguido de morte, pois o celular, o notebook e a moto de Jajá foram levados. Até agora, apenas o computador foi encontrado.