6ª edição da Pesca do Marlin 2016

Evento em Santo André contou com a presença do prefeito de Santa Cruz Cabrália – Jorge Pontes, secretário municipal de Turismo – Fernando Oliveira e superintendente municipal de Pesca e vereador eleito – Cláudio Mendes Xêpa Na 6ª edição, acontece no Povoado de Santo André – Santa Cruz Cabrália – Bahia, a Pesca do Marlin […]


28 de novembro de 2016 20:15

000001-capa

Evento em Santo André contou com a presença do prefeito de Santa Cruz Cabrália – Jorge Pontes, secretário municipal de Turismo – Fernando Oliveira e superintendente municipal de Pesca e vereador eleito – Cláudio Mendes Xêpa

Na 6ª edição, acontece no Povoado de Santo André – Santa Cruz Cabrália – Bahia, a Pesca do Marlin Azul. O evento teve duas etapas: no dia 25 e 26 de novembro. No total foram 10 embarcações, três saíram de Canavieiras e sete de Santo André. O destino foi o pesqueiro Royal Charlot, um dos maiores e mais importantes do mundo. A empresa organizadora do evento foi o Yacht Club da Bahia que tem sede em Salvador.

A Prefeitura Municipal de Cabrália, através da Secretaria de Turismo e Superintendência de Pesca, deu total apoio e atendeu às contrapartidas necessárias para que o evento fosse realizado num dos vilarejos mais charmosos do Extremo Sul Baiano.

Segundo os organizadores, cada embarcação comporta até seis pessoas. E a novidade: a partir deste ano, está proibida a retirada do peixe de dentro d’água; eles são filmados e liberados em seguida.

A primeira etapa começou na manhã de sexta-feira (25) por volta das 6h00 quando as embarcações saíram do píer de Santo André rumo ao pesqueiro Royal Charlot que fica a aproximadamente 40 milhas náuticas, que corresponde a 72 km.

O diretor de Pesca do Yacht Club da Bahia, Alexandre Guedes, falou sobre a nova regra para a pesca esportiva, pontuação e a festa de premiação que acontecerá na sede do Yacht Club em Salvador no próximo dia 19: “Não trazemos mais os peixes, apenas filmamos e liberamos imediatamente. Esta atitude visa a preservação da espécie e é uma tendência mundial. Somos os melhores amigos dos peixes; fazemos uma pesca esportiva e não predatória. Os peixes válidos são três: O Marlin Azul – 300 pontos, Marlin Branco – 150 pontos e o Selfish – 100 pontos. Esse campeonato encerra em Canavieiras, nos dias 02 e 03 de dezembro e a premiação será na sede do Yacht Club no dia 19, onde todos os esportes náuticos (vela, natação, pesca e outros) estarão sendo premiados.”

“Este é um evento que dá visibilidade para o município de Cabrália, especialmente à Santo André. Ele acontece aqui há 06 anos e buscamos atender às necessidades para que ocorra da melhor forma possível. Contamos com o apoio da prefeitura por meio da Secretaria de Turismo. O intuito é dar continuidade a este evento na próxima gestão e ampliá-lo ainda mais tendo a participação e envolvimento da comunidade e artistas locais,” completa o Superintendente de Pesca e vereador eleito, Cláudio Xêpa.

A embarcação vencedora em Santo André foi a “Casca Grossa”, a mesma que venceu ano passado: “A pesca esportiva é um hobby pra mim; pratico desde a infância com meu pai. Temos aqui um dos melhores pesqueiros do mundo. Ano passado nossa equipe foi a campeã e este ano novamente. Foram cinco peixes: 03 selfish e 02 marlin branco, um total de 600 pontos. Algo que já estamos praticando e que defendemos, é a preservação ambiental, a pesca como algo apenas esportivo e não predatório,” finaliza o Deputado estadual Leur Lomanto Júnior.

Fotos Jerusa Brandão

 Coquetel no restaurante Corsário ao som de voz e violão de Victor Marinho