Viação Águia Branca confirma demissão de 197 trabalhadores

Segundo nota da empresa, 92 trabalhadores contratados de forma temporária para a alta temporada de início e fim do ano, e 105 funcionários foram desligados.


11 de abril de 2020 11:20

A Viação Águia Branca, com sede no Espírito Santo, confirmou por meio de nota no início da tarde desta segunda-feira, 06 de abril de 2020, que demitiu 197 trabalhadores por causa da queda de demanda de passageiros.

Segundo nota da empresa, 92 trabalhadores contratados de forma temporária para a alta temporada de início e fim do ano, e 105 funcionários foram desligados.

A empresa diz que a redução na quantidade de passageiros foi na ordem de 95% nas linhas interestaduais e de mais de aproximadamente 90% nas linhas intermunicipais no Espírito Santo.

A Viação Águia Branca informa que após o fim do período de alta temporada, em que amplia a quantidade de horários de viagens, um grupo de 92 colaboradores temporários, contratados para aquele período específico, foi desligado.

Além desse fato, desde o início da pandemia do Coronavírus (Covid-19), nossas operações foram sendo gradativamente suspensas em todo país chegando a uma redução de 95%. No Espírito Santo, nas linhas intermunicipais, estamos rodando com menos de 10% de nossa operação devido à queda muito significativa do volume de passageiros. Neste cenário, houve a necessidade de um ajuste adicional, o que demandou outros 105 encerramentos de contratos de trabalho.                                                                           

 A Viação Águia Branca esclarece que não está medindo esforços para preservar os seus postos de trabalho, na expectativa de que, assim que a situação permitir, possa retomar gradativamente suas operações nos nove estados brasileiros.

É a segunda grande empresa de transportes do Espírito Santo de atuação nacional a realizar um alto número de demissões.