Moradores e voluntários têm feito a diferença na limpeza das praias de Cabrália

Voluntários, empresários, pescadores e moradores se mobilizam para realizar a limpeza


4 de novembro de 2019 10:08

Desde que apareceram as primeiras manchas de óleo no litoral de Cabrália, voluntários, empresários, pescadores, moradores e simpatizantes da causa ambiental se mobilizaram para realizar a limpeza das águas atingidas pelo derramamento de óleo no mar.

Coroa Vermelha

De Guaiú a Coroa Vermelha os voluntários intensificam os esforços para lidar com os impactos da poluição nas praias.

Em meio à contaminação das praias do litoral de Cabrália, o apoio dos voluntários tem sido fundamental para a limpeza dos locais afetados. Empresários e a Marinha do Brasil ajudaram com equipamentos de EPI, que são de extrema necessidade neste momento para proteção dos voluntários na limpeza das praias.

A Associação de Moradores de Santo Antônio foi uma das instituições que surgiram para pôr a mão na massa. Segundo os organizadores, a ideia é mobilizar mais pessoas e “amenizar os impactos negativos” causados pela poluição.

“Temos tido uma contaminação de pequeno porte, mas frequente e em crescente. Mas temos uma equipe bastante interessada e trabalhadora que faz inspeção constante nas ilhas de corais de Araripe e Coroa Alta. Precisamos de mais pessoas, pois essa briga é de todo mundo, esperamos que mais pessoas possam aparecer a partir de hoje”. Falou o Domingos, presidente da Associação de Moradores de Santo Antônio.

Outra instituição em destaque, a GADAP Guaiú, através do seu presidente Adriano, tem mobilizado a associação na limpeza e conservação das praias e o rio. Assim também como no bairro Capitão Luiz de Matos ( Sapolândia), moradores do local em conjunto com pessoas de outros bairros tem feito o monitoramento e limpeza das praias do Centro e Nova Cabrália.

A população vem fazendo a diferença, ignorados pelo poder público, são os moradores é que realmente vem metendo a mão no óleo.