Recadastramento Biométrico Pode Ser Feito Até 09/05

SOBRE O RECADASTRAMENTO BIOMÉTRICO: O QUE VOCÊ PRECISA SABER 1- POR QUE A EXIGÊNCIA DO RECADASTRAMENTO BIOMÉTRICO? Porque o TRE-BA deseja implementar a ELEIÇÃO TOTALMENTE BIOMETRIZADA. Para isso precisa recadastrar no mínimo 80% de todo o eleitorado de Salvador. Caso esse índice não seja alcançado a eleição será mista (forma eletrônica tradicional e também por […]


12 de janeiro de 2018 10:32

SOBRE O RECADASTRAMENTO BIOMÉTRICO: O QUE VOCÊ PRECISA SABER

1- POR QUE A EXIGÊNCIA DO RECADASTRAMENTO BIOMÉTRICO?

Porque o TRE-BA deseja implementar a ELEIÇÃO TOTALMENTE BIOMETRIZADA. Para isso precisa recadastrar no mínimo 80% de todo o eleitorado de Salvador. Caso esse índice não seja alcançado a eleição será mista (forma eletrônica tradicional e também por biometria) e nada mudará para o eleitor.

2- O ELEITOR PERDERÁ O TÍTULO SE NÃO SE RECADASTRAR ATÉ O DIA 31/01?

Não. Caso 80% do eleitorado consiga fazer o recadastramento até o dia 31 a eleição será totalmente BIOMETRIZADA, e aí o restante dos eleitores que não conseguirem se recadastrar em janeiro, terá até o dia 9/05 para fazer o procedimento.

3- ENTÃO O PRAZO REAL SERÁ ATÉ O DIA 9/05?

Essa pergunta pode ter duas respostas, Sim ou Não. Veja: Caso a meta de 80% de eleitores seja alcançada, a resposta é SIM: O eleitor que não se recadastrar até 31/01 terá até 9/05 para manter seu título válido. Porém, caso a meta de 80% não for alcançada, a resposta é NÃO: Pois nesse caso nada mudará e ninguém terá o título anulado, até que se defina novo programa de recadastramento.

4- OS TRABALHADORES DO TRE-BA SE SOLIDARIZAM COM A POPULAÇÃO
O SINDJUFE-BA (Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário Federal na Bahia) informa que os trabalhadores do Tribunal Eleitoral estão trabalhando além do limite físico e emocional, sem receber remuneração extra, e se solidarizam com os eleitores que estão sofrendo exaustivamente nas filas intermináveis, sem que haja necessidade para isso, já que a meta do TSE para implementar a eleição totalmente biometrizada é 2022, e não 2018.