#bahia

Polícia Civil testa tecnologias não letais para atividades em campo

A precisão nas ações em campo e a preservação de vidas estão entre as táticas de atuação da Polícia Civil da Bahia. Para aperfeiçoar o uso progressivo da força nas atividades operacionais, equipes de diversos Departamentos e das Coordenações de Fiscalização de Produtos Controlados (CFPC) e de Operações Especiais (COE) participaram de uma exposição de […]


A precisão nas ações em campo e a preservação de vidas estão entre as táticas de atuação da Polícia Civil da Bahia. Para aperfeiçoar o uso progressivo da força nas atividades operacionais, equipes de diversos Departamentos e das Coordenações de Fiscalização de Produtos Controlados (CFPC) e de Operações Especiais (COE) participaram de uma exposição de produtos desenvolvidos para esta finalidade, na sexta-feira (5). 

Além da COE e CFPC, gestores da Corregedoria da Polícia Civil (Correpol), dos Departamentos de Polícia Metropolitana (Depom), de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP) e da Coordenação de Tecnologia da Informação e Telecomunicações (CTIT), participaram de uma apresentação de novas tecnologias não letais, ministrada por representantes da empresa SP Condor, na base da COE, em São Cristóvão.  

A Polícia Civil já utiliza espargidores de gás, granadas de luz e de som, elastômero, gases de pimenta e lacrimogêneo em ações que necessitam do uso progressivo da força de forma tática. O gerente comercial da Condor, coronel Valter de Padulla, ministrou um seminário explicando o conceito e o foco da empresa, além de realizar apresentações práticas dos produtos.  

Lançadores de granadas, espargidores e armas de choque foram alguns dos itens analisados pela Polícia Civil. O coordenador da CFPC, delegado Cleandro Pimenta, destacou a importância dos materiais. “Seguimos a orientação de fazer o uso progressivo da força. Para se chegar ao uso de uma arma de fogo, antes teremos a condição de utilizar a tecnologia não letal. Depois desta demonstração, será feito um estudo para a viabilidade da aquisição”, afirmou o coordenador.  

Fonte: Ascom/ Polícia Civil

. . .

Leia também:

Polícia Rodoviária Federal prendeu um homem foragido da Justiça

O homem é acusado de estupro de vulnerável. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu um homem foragido da Justiça do Espírito...

Setur-BA promove destino Bahia e tenta atrair novos investimentos na Europa

O secretário estadual do Turismo, Maurício Bacelar, integra a comitiva liderada pelo vice-governador e secretário do Planejamento, João...

Delta Vírus já predomina Extremo Sul do estado e preocupa Sesab.

A variante Delta já é predominante nos sequenciamentos genéticos do coronavírus feitos na Bahia. De acordo com a secretária da Saúde...

97% dos municípios baianos não registraram óbito por Covid-19, Nos últimos sete dias

Nos últimos sete dias, 97% dos municípios baianos não tiveram registro de óbito por Covid-19, considerando a data de ocorrência. A...

Acidente com ônibus que seguia para a Bahia deixa 8 mortos e 44 feridos em MG

Um ônibus da empresa Gontijo, que saiu de São Paulo-SP., com destino a Ubatã-Ba., despencou de uma altura de aproximadamente 80 metros...