Banco afasta gerente após cliente denunciar racismo

Caso ocorreu em Salvador. Vítima registrou queixa nesta quarta-feira contra o gerente do banco; G1 conversou com os advogados dele.


27 de fevereiro de 2019 19:43

O gerente da Caixa Econômica Federal envolvido em uma confusão com um cliente em Salvador foi afastado das atividades. A informação foi divulgada no site da Caixa na manhã desta quarta-feira (27).

O empresário Crispim Terral, de 34 anos, relatou que, em 19 de fevereiro, foi vítima de racismo e agredido por policiais militares acionados pelo gerente. Ele postou a denúncia nas redes sociais nesta segunda-feira (25). O post foi acompanhado de um vídeo que mostra o momento em que Terral leva um “mata-leão” de um policial.

Na manhã desta quarta, ele foi até a 1ª Delegacia, em Salvador, para denunciar o gerente do banco que aparece na imagem pedindo que os policiais o algemassem. No vídeo, o gerente diz: “Não negocio com esse tipo de gente”.